Noticias

Governo Doria decreta 'toque de restrição' das 23h às 5h na RMVale

Medida foi adotada após Centro de Contingência verificar recorde de internação nas UTIs do estado, além da presença de novas variantes

Escrito por ACISJC

24 FEV 2021 - 14H02

Foto: Governo SP 50970112251_c478bfa0fe_k-1327363 (Foto: Governo SP)

O governo do Estado de São Paulo anunciou nessa quarta-feira (24) a aplicação de um toque de recolher, das 23h às 5h, em todas as cidades paulistas. Nesse período, somente serviços essenciais devem poder funcionar. A informação, recebida antecipadamente por OVALE e divulgada também pela CNN, acaba de ser confirmada pelo governador João Doria (PSDB).

De acordo com o Centro de Contingência, a restrição de circulação entra em vigor a partir de sexta-feira (26) e segue até 14 de março, com o objetivo de evitar eventos. A decisão acontece com o aumento dos indicadores da pandemia no estado, que seriam resultado de aglomerações ocorridas há cerca de 10 dias, além da identificação de novas variantes no estado.

"Já estamos acompanhando e tínhamos uma preocupação com o período chamado de carnaval, no meio do mês de fevereiro, e tomamos uma série de medidas para que não houvessem aglomerações naquele período, acho que grande parte da população respondeu a esse apelo e às medidas colocadas pelo governo, mas infelizmente, particularmente na última semana, estamos observando um aumento importante no número de novas internações no estado", afirmou Paulo Menezes, coordenador do Centro de Contingência.

DADOS.

A medida é adotada após o estado registrar um novo recorde de pessoas internadas em UTIs com Covid-19. Nessa quarta-feira (24), São Paulo chegou a 6.657 internações, em um recorde histórico desde o início da pandemia gerada pela Covid-19.

No Vale, o cenário é de queda de 2,5% na quantidade de novos casos nos sete dias encerrados na terça-feira (23), com 6.293 diagnósticos. Com as mortes em decorrência da doença a queda foi mais significativa, com -19,3% na última semana. Mesmo assim, fevereiro segue com a maior média de mortes por dia (18), embora tenha perdido o primeiro posto na média diária de novos casos, com 1.189 contra 1.238 de janeiro.

As novas restrições são adicionais às já previstas pelo Plano SP. Atualmente, a RMVale se encontra na fase laranja do planejamento e pode abrir restaurantes, o comércio em geral, shoppings, além de salões de beleza, academias e barbearias.

FISCALIZAÇÃO.

Em coletiva, o governo informou ainda a criação de uma força-tarefa para fiscalizar o cumprimento da medida, com atuação das Vigilâncias Sanitárias Municipais e Estadual, além da Polícia Militar e do Procon.

Fonte: OVale

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por ACISJC, em Noticias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.