Por ACISJC Em Noticias Atualizada em 13 DEZ 2018 - 11H09

RMVale gera 1.358 empregos no terceiro trimestre, afirma Seade

Os setores de comércio e serviços sustentaram o saldo positivo da região, gerando 741 e 699 novos postos de trabalho na região, respectivamente; indústria, construção civil e agropecuária cortaram vagas: -121, -26 e -42

A RMVale gerou 1.358 novos postos de trabalho no terceiro trimestre de 2018 comparado aos três meses anteriores: 519.373 empregos formais contra 518.015, alta de 0,3% --metade do índice estadual, de 0,6%.

O saldo de empregos no final de setembro é fruto de 44.917 admissões e 43.559 desligamentos, segundo pesquisa da Fundação Seade.

Os setores de comércio e serviços sustentaram o saldo positivo, gerando 741 (0,6%) e 699 (0,3%) novos postos de trabalho na região, respectivamente.

Já a indústria, a construção civil e a agropecuária perderam empregos no terceiro trimestre comparado ao segundo, respectivamente com -121 (-0,1%), -26 (-0,1%) e -42 (-0,5%).

Na comparação com o terceiro trimestre do ano passado, a RMVale gerou 1.953 novos empregos, crescimento de 0,4% --abaixo da média estadual, de 0,7%.

Novamente serviços e comércio garantiram o saldo positivo de emprego, abrindo 3.077 (1,3%) e 576 (0,5%) novos postos de trabalho em um ano.

Na contramão, a construção civil cortou 1.151 (-3,8%), a indústria perdeu 438 (-0,4%) e a agropecuária recuou 214 (-2,3%) vagas no mercado de trabalho.

No Estado, segundo o Seade, o crescimento de empregos foi de 72.025 vagas no terceiro trimestre ante o segundo e de 79.280 na comparação com o terceiro trimestre de 2017, fechando setembro com 12,035 milhões de postos de trabalho.

Maior empregador da região, o segmento de serviços acumulava 247.474 empregos no final de setembro deste ano. Segundo maior empregador, o comércio fechou o período com 121.931 vagas no total. A indústria tinha 105.305 vagas, a construção civil registrou 28.870 postos de trabalho e a agropecuária, 8.922.

Com alta de 0,3% em três meses, Vale fica na 13ª posição do ranking estadual

No ranking estadual, a RMVale foi apenas a 13ª região, de um total de 16, a gerar mais empregos no terceiro trimestre deste ano na comparação com os três meses anteriores. Quem lidera a lista é Itapeva, com 3,7% de alta.

A RMVale registra 0,3% de crescimento no nível de emprego no terceiro trimestre, metade da média estadual, de 0,6%. O percentual representou 1.358 novas vagas em três meses, registrando 519,3 mil postos de trabalho no final de setembro.

Metade das 16 regiões do Estado registra índice abaixo da média estadual, sendo que duas perderam empregos no terceiro trimestre do ano: Araçatuba (-0,3%) e Franca (-1,1%).

No período de um ano --terceiro trimestre de 2018 anta igual período de 2017-- o Vale cresceu 0,4% nos empregos e ficou na 8ª posição do ranking estadual, liderado por Ribeirão Preto (2%).

Matéria: OVALE
Repórter: Xandu Alves

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por ACISJC, em Noticias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.